PRÁTICA DA APRENDIZAGEM COOPERATIVA: DIALOGANDO COM A LINGUAGEM

Autores

  • Adriana Randi Silva
  • Ester Rojas Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

DOI:

https://doi.org/10.47180/omij.v3i2.163

Palavras-chave:

Literatura, Leitura, Pesquisa, Aprendizagem, Diálogo

Resumo

Como professora da Educação Básica, tenho o objetivo geral de manter-me atualizada no desenvolvimento de novas perspectivas e percepções de uma metodologia de ensino que possa atender às diferentes necessidades dos estudantes, participando e partilhando maiores responsabilidades em relação à aprendizagem deles. Dessa forma, a minha intenção didática é que os meus estudantes desenvolvam suas habilidades e competências fazendo uso do diálogo e da interação entre eles, a fim de se posicionarem criticamente nas resoluções de situações-problemas propostas, para que possamos atingir os objetivos propostos. As células cooperativas nos permitem trabalhar em pequenos grupos, onde os estudantes têm a oportunidade de se ajudarem mutuamente, favorecendo o diálogo e a discussão sobre os temas abordados, sempre mediados pelo professor. Os resultados obtidos por alguns estudantes são: colocar-se no lugar do outro; refletir e discutir sobre o que está sendo trabalhado; adquirir responsabilidade pelas tarefas; trocar saberes; desenvolver a autonomia; tornar-se protagonista de suas próprias ações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriana Randi Silva

Professora de Educação Básica I, na cidade de Ribeirão Preto/SP. Pedagoga com licenciatura em
Magistério da Educação Infantil, Administração Escolar, Magistério das Disciplinas Pedagógicas do
Ensino Médio, Magistério das Séries Iniciais do Ensino Fundamental; pela FABAN. Formada em
Psicopedagogia Clínica e Institucional na Faculdade Metropolitana de Ribeirão Preto. Pós-graduada (Latu Sensu) em “O círculo de Bakhtin em diálogo: linguagem, cultura e sociedade”.

Ester Rojas, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Estágios de Pós-doutorado em Liguíntica Aplicada (UNICAMP) e em Estudos Culturais Americanos (USACH). Doutora em Linguística (USO). Professora aposentada e colaboradora credenciada na pós-graduação em Letras da UNESP - ASSIS. Tradutora/intérprete espanhol-português (acadêmico e jurídico).

Referências

BAKHTIN, Mikhail. (VOLOCHÍNOV). Marxismo e filosofia da linguagem. 12. ed. Tradução do francês por Michel Lahud e Yara F. Vieira. São Paulo: Hucitec, 2006; 2017.

BARONAS, Roberto Leiser; ARAUJO, Lígia Mara Boin Menossi; PONSONI, Samuel. Reflexões acerca da análise dialógica dos discursos verbo-visuais: um caso de humor na política brasileira. Bakhtiniana, v.8, p. 24-41, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S2176-45732013000200003

BRAGA, Maria Margarete Sampaio de Carvalho; FAGUNDES, Maurício Cesar Vitória. Prática pedagógica e didática humanizadora: materialidade de pressupostos de Paulo Freire. Revista e-Curriculum, São Paulo, v.15, n.2, p. 524 – 549, 2017. DOI: https://doi.org/10.23925/1809-3876.2017v15i2p524-549

CRAMBI, Franco. História da pedagogia. São Paulo: UNESP, 1999.

FIORIN, José Luiz de. Introdução ao pensamento de Bakhtin. São Paulo: Ática, 2011.

FONTERRADA, Marisa Trench de Oliveira. De tramas e fios: um ensaio sobre a música e educação. São Paulo: Editora UNESP, 2005.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. 15. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1984.

JOHNSON, David W.; JOHNSON, Roger. T. Learning together and alone: cooperative, competitive, and individualistic learning. Massachusetts: Allyn and Bacon, 1999.

LOPES, José de; SILVA, Helena Santos. Aprendizagem cooperativa na sala de aula: um guia prático para o professor. 1. ed. Lisboa: Lidel, 2009.

MENDES, Fábio Ribeiro. A nova sala de aula. Porto Alegre: Autonomia, 2012.

MONEREO, Carles; GISBERT, David Duran. Tramas: procedimentos para a aprendizagem cooperativa. Tradução de Cláudia Schilling. Porto Alegre: Artmed, 2005.

THOMPSON, Kevin. An analysis of group instrumental teaching: principles, procedures, and curriculum implications. University of London: 1983.

TORRES, Patrícia Lupion; IRALA, Esrom Adriano. Aprendizagem colaborativa In: TORRES, P.L. (Org.). Algumas vias para entretecer o pensar e o agir. Curitiba: SENAR, 2007. p.65-95.

Arquivos adicionais

Publicado

2022-08-31

Como Citar

Randi Silva, A., & Myriam Rojas Osorio, E. (2022). PRÁTICA DA APRENDIZAGEM COOPERATIVA: DIALOGANDO COM A LINGUAGEM. Open Minds International Journal, 3(2), 37–45. https://doi.org/10.47180/omij.v3i2.163