O WHATSAPP COMO POSSIBILIDADE DE MEDIAÇÃO PEDAGÓGICA

Autores

  • Daniela Gomes de Araújo Nóbrega Universidade Estadual da Paraíba
  • Fabio Marques de Souza Universidade Estadual da Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.47180/omij.v3i3.182

Palavras-chave:

Línguas Estrangeiras., Inglês., Espanhol., Letramento digital., WhatsApp., Multimodalidade.

Resumo

Este artigo apresenta reflexões teóricas quanto ao uso do aplicativo WhatsApp no ensino de línguas visando a potencialização do desenvolvimento dos letramentos dos alunos. A teoria usada alicerça-se nos princípios básicos da Pedagogia da Parceria (Partnering Pedagogy) (PRENSKY, 2010), uma proposta que privilegia a parceria entre professor e alunos no processo de ensinar e aprender línguas.  Nos amparamos nas noções de gêneros textuais (BAZERMAN, 2006) e nos conceitos do letramento digital (SANTAELLA, 2013; RIBEIRO, 2016; 2018). Este artigo, portanto, faz uso do aplicativo WhatsApp, como mediador possível para o design e a implementação de atividades com vistas a promover os letramentos múltiplos necessários para a vida na sociedade contemporânea em rede.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BAZERMAN, C. Gêneros Textuais, tipificação e interação. In: BAZERMAN, C.; DIONÍSIO, A.P.; HOFFNAGEL, J.C. (Orgs.) 2 ed., São Paulo: Cortez, 2006.

CARMAN, J. M. Blended Learning Design: Five Key Ingredients. 2005.

HAMAD, M. M. Using WhatsApp to enhance students’ Learning of English Language “Experience to Share”. Higher Education Studies. v. 7, n. 4, p. 74-87. 2017. DOI: https://doi.org/10.5539/hes.v7n4p74

INOCENCIO, L.; LOPES, C. P. ‘Brace yourselves, the zuera is coming’: memes, interação e reapropriação criativa dos fãs na página Game of Thrones da Depressão. In: Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação XVIII Congresso de Ciências da Comunicação na Região Nordeste, 18., 2015, Natal – RN. Anais […]. Natal: Intercom, 2015. p. 01-15.

KALANTZIS, M.; COPE, B. Literacies. Cambridge University Press: Cambridge, 2012. DOI: https://doi.org/10.1017/CBO9781139196581

KLEIMAN, A. Modelos de Letramento e as práticas de alfabetização na escola. In: Angela Kleiman. Os significados do Letramento – uma nova perspectiva sobre a prática social da escrita. Campinas – SP: Mercado de Letras, 1995, p.15-61

LEE, C.; BARTON, D. Linguagem Online – textos e práticas digitais (Tradução Milton Camargo Mota), 1 ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2015.

PRENSKY, M. Teaching Digital Natives. UK: Corwin Press, 2010.

RIBEIRO, A. E. Textos Multimodais – leitura e produção. São Paulo: Parábola Editorial, 2016.

RIBEIRO, A. E. Escrever, hoje: palavra, imagem e tecnologias digitais na educação. 1 ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2018.

ROJO, R. H. R. Pedagogia dos multiletramentos: diversidade cultural e de linguagens na escola. In: ROJO, R. H. R; MOURA, E. (Org.). Multiletramentos na escola. São Paulo: Parábola Editorial, 2012. p. 7-31.

ROJO, R. (Org.) Escol@ Conectada: os multiletramentos e as TICs. São Paulo: Parábola, 2013.

SANTAELLA, L. Desafios da Aprendizagem ubíqua para a Educação. In: Lúcia Santaella, Comunicação ubíqua: repercussões na cultura e na educação. São Paulo: Paulus, – (Coleção comunicação), 2013, p. 285-307. DOI: https://doi.org/10.20952/revtee.v0i0.3446

XAVIER, M. M.; SERAFIM, M.L. O WhatsApp impactando novas possibilidades de ensinar e de aprender no contexto acadêmico. São Paulo: Mentes Abertas, 2020. Disponível em: https://drive.google.com/file/d/1VYSmqDWTkLmT0J2Pgw3iSE3I6K77lxUM/view?usp=sharing Acesso em: 10 jun. 2022.

Arquivos adicionais

Publicado

2022-12-28

Como Citar

Nóbrega, D. G. de A., & Souza, F. M. de. (2022). O WHATSAPP COMO POSSIBILIDADE DE MEDIAÇÃO PEDAGÓGICA. Open Minds International Journal, 3(3), 90–101. https://doi.org/10.47180/omij.v3i3.182

Edição

Seção

Artigos de Fluxo Contínuo